A cultura do Mate

Mate e Media Luna

Mate e Media Luna

O mate vem da palavra quechua “mati, que significa vaso o recipiente, era consumido por povos guaranís e outros povos, e foi adotado rapidamente pelos colonizadores ficando como um acervo cultural em alguns países.Até mesmo no Sul do Brasil[mais conhecido como chimarrão], porém a erva não é igual.

Aqui, na Argentina é mais que comum ver alguem tomando mate, em todos os lugares que você anda por aqui, desde parques a faculdades, sempre vai encontra um argentino com um mate e sua garrafa termica. E eu devo confesar que até eu mesmo aderi ao costume, uma vez por dia, a tarde depois das aulas tenho o ritual de comprar algumas médias lunas(pão que pode ser doce ou salgado) e tomar um mate.

O mate é composto basicamente por 3 coisas, o ‘mate’ que é o recipiente, a ‘bombilla’, que seria como o canudo e a erva que se chama ‘llex paraguayensis’. A preparacão de ‘um bom mate’ tem a ver com a temperatura da água(não pode deixar a água ferver), a forma de colocar a bombilla e até mesmo a forma de colocar a erva dentro do mate.
Além disso o mate tem algumas variedades de como preparar, já dizia o homem que tem gosto para qualquer cliente.
O Mate amargo é a erva propriamente dita , já o mate doce pode adicionar um poco de acucar(ou muita), eu particularmente não gosto de mate doce, mesmo com a erva sendo meio amarga me acostumei ao sabor.
Outra maneira de se fazer o mate é o mate frio, mais conhecido como tereré, ótimo para dias de calor, que em vez de usar a água quente, se usa suco e gelo.

Além de ser gostoso alguns estudos dectaram preseça de vitaminas além e auxiliar na digestão, ser diurético, estimulante, laxante e até mesmo produzir efeitos anti-reumáticos.

E aí, que tal sentar e tomar um mate?

                                                                                                                                                                                                                                        Mimi ♥

Um pouco mais por aqui: http://es.wikipedia.org/wiki/Mate_(infusi%C3%B3n)
http://www.mateargentino.com.ar/

Anúncios

5 Responses to A cultura do Mate

  1. juhsodi says:

    Eu sou megamente frustrada por nunca ter tomado chimarrão 😦
    Mas também, moro em SP e não conheço nenhum gaúcho ou argentino..
    Quem sabe um dia né?

  2. Janaina Lima says:

    Eu tenho muita curiosidade de tomar chimarrão, acho muito bacana esse costume de carregar a garrafinha e fazer o mate assim em qualquer lugar.
    Obrigada pela visita

  3. como boa gaúcha que sou adoro um chimarrão. Acho o hábito gostoso (mais que o gosto!) e não fico sem…. queria provar um mate argentino pra ver a diferença

  4. ∞ Carol S. says:

    Nunca experimentei e sempre tive vontade de saber qual o gosto..
    Sou bem curiosa pra certas coisas,e o chimarrão é bem uma dessas. (:

    Beijo beijo :**

  5. Vish nem gosto de chimarrão :X

    Adorei aqui ^^
    Obrigada pela sua visita em meu blog, volte sempre! :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: